Gestão de tráfego: tudo o que você precisa saber para colocar sua empresa no topo

Uma gestão de tráfego eficiente é sinônimo de mais visitantes para seus canais digitais e, consequentemente, aumento nas vendas e no faturamento. Saiba mais!

Última atualização:

14 de novembro de 2023

Flávia Crizanto
Últimos posts por Flávia Crizanto (exibir todos)

Índice

    Flávia Crizanto
    Últimos posts por Flávia Crizanto (exibir todos)

    Nos dias atuais, é cada vez mais comum ver empresas marcando presença na internet com sites próprios e perfis nas redes sociais. Devido ao grande número de usuários no ambiente digital, a ausência nesses espaços pode significar uma perda de contato com potenciais clientes de seus serviços e produtos.

    No entanto, de nada adianta ter um site bem estruturado, uma identidade visual bonita, produtos ou serviços de qualidade e conteúdos informativos se ninguém os acessar. Por esse motivo, muitas empresas têm investido em uma estratégia de marketing digital para expandir o alcance dos portais entre os públicos-alvo na internet. 

    Mas afinal, que estratégia é essa? Se você atua no ambiente digital, certamente já ouviu falar em tráfego, não é? É exatamente o conhecimento sobre ele e a aplicação de algumas técnicas de gestão de tráfego que podem ajudar a ampliar a visibilidade do site da sua marca na internet. 

    Neste conteúdo, vamos nos aprofundar no assunto e trazer um miniguia com todas as informações que você precisa sobre gestão de tráfego. Acompanhe! 

    O que é gestão de tráfego?

    Antes de entender o que é gestão de tráfego, é importante compreender primeiro o que é tráfego no ambiente digital. Esse termo diz respeito ao fluxo de visitantes em páginas on-line, sendo uma métrica de marketing fundamental para mensurar o desempenho de diferentes estratégias de vendas. 

    Já a gestão de tráfego nada mais é do que um conjunto de atividades que visam aumentar o número de visitantes em determinado site, blog ou rede social. Dessa forma, esse serviço tem como objetivo ampliar as visitas na página, oferecendo para a sua marca mais visibilidade, melhora de posicionamento entre os concorrentes, aumento de vendas e consequentemente, aumento no faturamento.  

    Para isso, os gestores de tráfego segmentam o público para focar apenas na audiência interessada no produto ou serviço oferecido e analisam métricas para gerenciar os visitantes que suas páginas estão recebendo, tudo isso para transformar esses internautas em potenciais clientes para o seu negócio. 

    Quais são os tipos de tráfego?

    Gestão de tráfego: tudo o que você precisa saber para colocar sua empresa no topo
    Fonte: Freepik

    Se você tem o mínimo de conhecimento sobre tráfego, certamente já ouviu falar do pago e do orgânico, mas saiba que eles não são os únicos que existem. Isso porque os usuários que chegam ao seu site percorrem diversos caminhos até encontrar ao endereço eletrônico e cada tráfego trata sobre esses percursos. 

    Entender a existência de cada um deles é fundamental para implementar estratégias para o crescimento do seu negócio. Confira a seguir os diferentes tipos de tráfego existentes. 

    Tráfego orgânico 

    O tráfego orgânico é aquele que diz respeito aos visitantes que chegaram até as suas páginas de forma natural. Geralmente, ele tem origem nos mecanismos de busca como o Google, Bing e etc, sendo as páginas que aparecem sem a tag “anúncio” ao procurar por determinado assunto. 

    No contexto dos visitantes orgânicos, é super importante estar em boas posições nos buscadores e, por esse motivo, já existem estratégias focadas em auxiliar justamente nisso. O SEO (Search Engine Optimization) utiliza técnicas que visam otimizar as páginas e conteúdos, com melhora na velocidade do site e linkagens assertivas.

    Tráfego pago

    Diferentemente do orgânico, o tráfego pago é aquele que acontece por meio de anúncios em sites, redes sociais e mecanismos de busca. Ou seja, são aqueles visitantes que chegam até o site ao clicarem em anúncios pagos e links patrocinados. Essas campanhas são criadas em plataformas como o Google Ads, Facebook Ads, entre outros. 

    Tráfego de referência

    Já o tráfego de referência é quando o visitante acessa a sua página a partir de outro portal que citou o seu conteúdo ou serviço. Isso pode acontecer em citações em sites de notícia, fóruns e blogs. 

    No SEO uma das práticas mais comuns para auxiliar na obtenção desse tipo de tráfego é o link building. Em linhas gerais, essa estratégia visa localizar páginas com potencial de tráfego, preferencialmente aquelas que possuam relação com a marca ou ao segmento, enviar conteúdos informativos e inserir neles links assertivos que direcionem o público para o seu site. 

    Tráfego social

    O tráfego social é aquele que tem relação direta com as redes sociais, ou seja, é caracterizado pelos visitantes que chegam a sua página por meio das redes. Isso inclui publicações no Facebook, Instagram, LinkedIn, Twitter, entre outras. 

    Tráfego direto

    O tráfego direto é o sonho de todo empreendedor, pois ele indica os visitantes que já conhecem a empresa e acessam ela de forma direta, sem passar por nenhum dos outros caminhos citados neste artigo. 

    Tráfego de e-mail marketing

    Por fim, o tráfego de e-mail marketing é aquele que tem origem no clique de um e-mail enviado pela sua empresa. Normalmente, ele ocorre após o usuário se inscrever no site da marca para receber informativos e promoções. 

    Quais as vantagens de fazer gestão de tráfego?

    Agora que você já conhece o que é a gestão de tráfego e os tipos que existem, deve estar se perguntando: quais os benefícios que essa estratégia pode trazer para a minha empresa? 

    A primeira vantagem notada por quem adota essa prática é o aumento de acessos ao site. Uma vez que você estuda e aprimora a forma como os visitantes chegam à sua página, a tendência é de crescimento no tráfego.

    Mais um benefício é o aumento da autoridade da marca. Buscadores como o Google e o Bing costumam ranquear melhor conteúdos publicados em sites com bom tráfego, pois isso significa que a página é conhecida e transmite confiança ao usuário. Com o alcance de boas posições nos buscadores, conteúdos qualificados e links assertivos, mais o seu negócio será visto como uma autoridade no assunto. 

    A longo prazo, a gestão de tráfego pode fazer com que você vire também uma referência no nicho e região em que atua. 

    Outra vantagem é a detenção de tráfego qualificado, já que o principal objetivo da gestão é encontrar os potenciais clientes. Com a implementação dessa estratégia, é mais fácil garantir que seus acessos serão convertidos em leads. 

    Automaticamente, isso causa impactos reais no faturamento da sua marca. Quanto mais pessoas você leva para o seu site, mais chances o seu negócio terá de aumentar o número de vendas. 

    Os ganhos não param por aí, pois há também a melhora do seu ROI, métrica que indica o retorno de investimento. Isso porque, com os ganhos obtidos nessa estratégia será possível compensar os gastos investidos para implementá-la. 

    Como fazer gestão de tráfego?

    Gestão de tráfego: tudo o que você precisa saber para colocar sua empresa no topo
    Fonte: Freepik

    Fazer uma gestão de tráfego não é uma tarefa simples, mas com as dicas certas, é possível pôr essa estratégia em prática. Confira os processos essenciais para implementar uma boa gestão no seu negócio. 

    Conhecer seu público

    Conhecer o público de uma marca é fundamental para adotar qualquer estratégia dentro do negócio e com a gestão de tráfego isso não é diferente. Antes de mais nada, é preciso saber qual público você quer impactar durante o processo de gestão de tráfego.

    Para isso, pode ser útil analisar os clientes atuais, entendendo qual o perfil dos consumidores que já consomem seus produtos ou serviços. Para te ajudar nesse processo, você pode traçar algumas características com base em dados como idade, gênero, localização, profissão, etc.

    Esse conhecimento ajudará a traçar estratégias mais persuasivas para esse público, fazendo com que o seu site chegue com mais facilidade para essas pessoas. 

    Planejar

    Ter um bom planejamento é um aspecto fundamental para o crescimento de qualquer negócio. No caso da gestão de tráfego, é importante fazer um mapeamento de todas as ações que serão tomadas, considerando o tipo de tráfego que será o foco da estratégia, orçamento e objetivos. 

    A prática de organizar esses processos é fundamental para conduzir a gestão de tráfego e medir os resultados futuros. 

    Fazer análises recorrentes

    Toda gestão de tráfego é guiada por métricas, pois elas são indicadores do sucesso das estratégias. Sempre que possível, analise dados como taxa de cliques, impressões, tempo de navegação na página, entre outros. 

    Contrate uma agência especializada

    Como você pôde perceber, a gestão de tráfego é uma estratégia fundamental para a visibilidade e sucesso de um site, página ou blog. Apesar das orientações acima parecerem fáceis, é preciso de amplo conhecimento para os resultados serem alcançados. 

    A Experta é uma plataforma de soluções online focadas em tráfego orgânico e qualificado. Entre em contato conosco e saiba mais sobre nossos serviços de link building, Digital PR, gestão de blogs e SEO.

    Nosso time de especialistas está preparado para te ajudar com essas e outras estratégias que vão impulsionar o seu negócio!

    CONFIRA TAMBÉM